Carrito

Home » Historia » 1991 – Portugal

1991 – Portugal

Año: 1.991
País: Portugal
Intérprete: Dulce Pontes
Letra: Fred Micaelo, José da Ponte
Música: Jorge Quintela, José da Ponte
Idioma: Portugués
Resultado: 8º puesto (62 puntos)
Enlaces: http://www.dulcepontes.net/
Lusitana paixão Pasión Lusitana
Fado, chorar a tristeza bem
Fado, adormecer como a dor
Fado, só quando a saudade vem
Arrancar do meu passado um grande amor

Mas não condeno essa paixão
Essa mágoa nas palavras que a guitarra vai gemendo também
Eu não, eu não pedirei perdão
Quando gozar o pecado e voltar a dar de mim

Porque eu quero ser feliz e a desdita não se diz
Não quero o que o fado quer dizer

Fado, soluçar recordações
Fado, reviver uma tal dor
Mmm… fado, só quando a saudade vem
Arrancar do meu passado um grande amor

Mas não condeno essa paixão
Essa mágoa nas palavras que a guitarra vai gemendo também
E eu não, eu não pedirei perdão
Quando gozar o pecado e voltar a dar de mim

Eu sei desse lado que há em nós
Cheio de alma Lusitana como a lenda da Severa

Porque eu quero ser feliz e a desdita não se diz
O fado não faz arrepender

Fado, llorar tanto la tristeza
Fado, dormirse con el dolor
Fado, sólo cuando viene la nostalgia
Arrancar de mi pasado un gran amor

Mas no condeno esa pasión
Esa pena en las palabras que también va gimiendo la guitarra
Yo no, yo no pediré perdón
Cuando goce el pecado y vuelva a ser yo

Porque yo quiero ser feliz y la desdicha no se dice
No quiero lo que el fado quiere decir

Fado, sollozar recuerdos
Fado, revivir tal dolor
Mmm… fado, sólo cuando viene la nostalgia
Arrancar de mi pasado un gran amor

Mas no condeno esa pasión
Esa pena en las palabras que también va gimiendo la guitarra
Yo no, yo no pediré perdón
Cuando goce el pecado y vuelva a ser yo

Yo conozco ese lado nuestro
Lleno de alma lusitana como la leyenda de la Severa

Porque yo quiero ser feliz y la desdicha no se dice
El fado no hace que me arrepienta


,

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

*
*